Sobre

Meu nome é Maria Luísa Cotta Neves, tenho 20 anos e sou de Belo Horizonte, MG.

Sou estudante de Comunicação Social (Publicidade) na UFMG e, dentro do curso, sempre me voltei mais para as áreas de Design e Audiovisual (eu sou apaixonada pela criação de conteúdo e pela lógica transmídia). No meu tempo livre, por outro lado, eu gosto de escrever; tenho histórias guardadas que eu criei logo pelos quatro anos de idade. Sempre fui apaixonada por narrativas – aprendi a ler e a escrever com três anos e, até hoje, não parei e nunca pretendo parar. Se eu estiver atoa, pode ter certeza: já estou trabalhando na minha próxima história.

Agora, por que “storyteller”? Essa é uma história engraçada. Há algum tempo, apresentei um antigo portfólio em uma entrevista de estágio e recebi em contrapartida a seguinte pergunta: “por que você se considera uma desginer gráfica?”.

Improvisei-me a resposta com o que minha mente fora capaz de buscar, ali, de prontidão; mas, gente, eu menti. Eu não me considerava uma designer gráfica. O portfólio que eu tinha em mãos não englobava nem metade das coisas que eu era capaz de fazer e, por isso, não definia o meu melhor perfil.

Eu não queria mentir para mais ninguém.

O que eu me considerava, então, senão designer gráfica? Eu gostava da área do Design, sim, mas esse meu interesse era mais fruto de um propósito do que o propósito em si (dá pra entender?). Eu não queria viver criando peças gráficas, eu queria viver criando narrativas – nas quais as peças gráficas poderiam se enquadrar. Eram as histórias que mais me completavam a felicidade; elas, ao contrário do simples fazer pelo fazer, traziam alguma substância ao meu conteúdo. Essa era a pessoa que eu gostaria de ser.

Assumi-me uma storyteller como alguém que, em tudo, só planeja contar uma história. Seja através dos livros que escrevo, ou dos meus pensamentos que transcrevo, dos vídeos que pretendo gravar, das fotos que me ponho a tirar – seja como for, que se faça de uma ideia, narrativa.

Anúncios

Portfolio

video

design

foto

Blog

I am a writer

Okay, I am a writer. This might be very hard to take if you’re visiting this portfolio’s English Version. All my life I’ve been writing stories – since I learned how do it, when I was 3 years old, I take my time to compose new narratives. I do them all in Portuguese, though, which …

The crush: my first short story in English

I worked at an International College Program in Disney early in the year and I came back to Brazil with English on my mind. I had to write something that my new friends could understand. My desire to create a portfolio in that foreign language compelled me into this project.